terça-feira, 23 de abril de 2019

GOVERNO AVALIA ‘VERBA EXTRA’ VIA EMENDAS PARA DEPUTADO PRÓ-REFORMA DA PREVIDÊNCIA

Na tática de convencimento para os deputados aprovarem a reforma da Previdência, o Planalto tem prometido verba extra para os que votarem com o governo. Além das emendas impositivas ao Orçamento, cada congressista fiel ao Planalto teria direito a cerca de R$ 10 milhões já em 2019 para projetos de seu interesse político.
Deputados ouvidos pelo Poder360 contam histórias ainda incipientes sobre concessão de mais dinheiro e não aceitam tratar publicamente sobre o assunto.
Um dos formatos oferecidos pelo Planalto para conquistar o apoio dos deputados seria o de emendas extras ao Orçamento –como 1 bônus além do já previsto para cada deputado.
As emendas feitas ao Orçamento Geral da União são propostas feitas pelos congressistas sobre onde a União deve aplicar seus recursos. Em geral, são utilizadas em investimentos nas regiões onde assumiram compromissos eleitorais e onde estão suas bases políticas
Um deputado partidário disse que a Casa Civil afirmou ser possível garantir R$ 10 milhões extras em emendas durante os 4 anos de mandato. Um líder partidário afirmou que há diferentes versões sobre as cifras que estariam sendo anunciadas aos deputados.
Segundo ele, o governo também tem a intenção de oferecer aos deputados convênios em projetos governamentais já existentes ou que ainda serão iniciados com prefeituras e governos estaduais.
Dessa forma, o deputado poderia deixar sua digital em projetos que atingem suas bases eleitorais, o que poderia mitigar, segundo o governo, o desgaste sofrido com o apoio à reforma da Previdência.
PODER360 / edição Outro Olhar Amargosa

Clique aqui e participe do Grupo Outro Olhar Amargosa no WhatsApp

Curta nossa página no Facebook 👍🏻

0 comentários:

CURTA!