sexta-feira, 15 de março de 2019

PSDB E PT DE MÃOS DADAS CONTRA JANAINA NA PRESIDÊNCIA DA ALESP


O PSDB refez uma aliança histórica com o PT na Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) para evitar que a deputada Janaina Paschoal chegue à presidência da Casa.

Os tucanos querem manter a hegemonia na Casa ao reeleger nesta sexta-feira (15) o deputado Cauê Macris (PSDB-SP) para mais dois anos à frente do Parlamento paulista.
A parceria do PSDB com o PT é alvo de intensa críticas da deputada Janaina Paschoal, principal adversária de Cauê na disputa. Questionado pelo Estadão sobre o acordo com o PT, o deputado tucano desconversou.
A eleição será com voto aberto, logo após a posse dos 94 deputados estaduais eleitos em 2018.
Nos últimos 24 anos, o PSDB só não comandou a Assembleia no biênio 2005/2007. De lá para cá, o partido sempre conquistou a presidência com folga.
Janaina Paschoal, deputada mais votada da história do Brasil, conta com apoio declarado apenas dos seus 14 colegas de bancada e do deputado Arthur Mamãe Falei (DEM).
“Criaram a tese de que vou tirar os carros oficiais dos deputados, tudo para fugir de admitir que não vão votar em mim porque fizeram acordos com o adversário em torno de cargos na casa”, lamentou Janaina.

0 comentários:

CURTA!