sexta-feira, 15 de fevereiro de 2019

SEGURANÇA SUFOCA RAPAZ ATÉ A MORTE EM SUPERMERCADO NO RJ

                                           Um jovem morreu após ser imobilizado por um segurança do hipermercado Extra, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro, na tarde desta quinta-feira. Pedro Gonzaga, de 19 anos, teria tentado roubar a arma do segurança, quando foi derrubado por ele em um "mata-leão". 
As imagens registradas em vídeos ,  mostram que pessoas no entorno alertavam para a gravidade do caso. "Está desmaiado, não está não?", indagou alguém. "Está sufocando ele", disse uma mulher. "Ele está com a mão roxa", constatou outra pessoa. O segurança, no entanto, não soltou o pescoço do jovem e disparou: "Cala a boca". 
O Corpo de Bombeiros informou que o encaminhou, ainda com vida, para o Hospital Municipal Lourenço Jorge, na Barra, após uma parada cardiorrespiratória.  De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, o homem deu entrada na CER Barra por volta das 14h, levado por ambulância dos Bombeiros, já em parada cardiorrespiratória. Foi ressuscitado, mas teve outras duas paradas e faleceu às 15h10. "Como chegou à unidade com relato de queda, corpo foi encaminhado para o IML", informou a pasta na nota. Ainda não há informações sobre a data e local de enterro de Pedro.
A Secretaria de Estado de Polícia Militar informou que as testemunhas foram conduzidas a prestar depoimento na 16ª DP (Barra da Tijuca). 
Em nota, o Extra repudiou o caso e informou que os seguranças presentes na ação foram afastados. Confira a íntegra:
"Sobre o fato em questão, a empresa já abriu uma investigação interna e constatou de forma inicial que tratou-se de uma reação a tentativa de furto a arma de um dos seguranças da unidade da Barra da Tijuca. Após o indivíduo ser contido pelos seguranças, a loja acionou a polícia e o socorro imediatamente. A empresa já abriu um Boletim de Ocorrência e está contribuindo com as autoridades para o aprofundamento das investigações."
* O DIA / edição Outro Olhar Amargosa

0 comentários:

CURTA!