sexta-feira, 25 de janeiro de 2019

INTERNAUTAS PEDEM QUE JEAN WYLLYS SEJA INVESTIGADO

A hashtag #InvestigarJeanWillis é o assunto mais comentado do Twitter brasileiro na manhã desta sexta-feira (25).

Um dia após a renúncia do deputado Jean Wyllis,  em permanecer como parlamentar federal, divulgado ontem também aqui pelo Outro Olhar Amargosa
A internet amanheceu  inquieta nesta sesta-feira (25), são milhares de internautas interessados no assunto, isso é evidente principalmente via twitter.  
A maior parte dos tuítes circulando com a hashtag #InvestigarJeanWillis procura entender a relação entre o Partido Socialismo e Liberdade (PSOL) e o extremista Adelio Bispo, que tentou matar o então candidato Jair Bolsonaro com uma facada.
Apesar de até o momento não existir nenhuma evidência conectando Jean Wyllys com o extremista Adélio Bispo, muitos internautas estão se questionando sobre os reais motivos das atitudes recentes tomadas pelo ex-BBB.
Um dos que estão pedindo uma investigação melhor sobre a situação é o cantor Lobão.




ESSA PARADA DE JEAN WILLIS SAIR DO BRASIL E DEIXAR A VIDA PÚBLICA SÓ LEVANTA SÉRIAS SUSPEITAS SOBRE SEU ENVOLVIMENTO NA TENTATIVA DE ASSASSINATO A JAIR BOLSONARO.,DEVE SER INVESTIGADO IMEDIATAMENTE.
ESSE PAPO É LOROTA.



Confira outros comentários que estão circulando com a tag:




Já que a imprensa tem feito de tudo para ligar Flávio Bolsonaro ao assssinato de Marielle, partindo do mesmo método deste baixo jornalismo investigativo,será que podemos suspeitar que a fuga de Jean Wyllys para o exterior tem a ver com a facada em Bolsonaro?



"Estou sendo perseguido!", ou seria investigado? Aposto que vai levantar enredo de exilado político pra fugir de algo.



Jean Willis:

-já agrediu Bolsonaro
-disse q faria de novo
-ñ aceita o resultado das eleições
-tem ódio das "tias do zap"(vê como ameaça à esquerda)
-é do PSOL, partido q promove quebra-quebra/invasões

Como ñ se sabe quem paga advogados de Adélio, temos que



é essencial. O ódio que esse sujeito tem do Bolsonaro é assustador.

Afiliado do PSOL, o mesmo partido o qual o criminoso Adélio Bispo foi membro.

Coincidência? Tire as suas próprias conclusões.

Clique aqui e participe do Grupo no WhatsApp

0 comentários:

CURTA!