segunda-feira, 3 de dezembro de 2018

CABRAL É CONDENADO PELA NONA VEZ


A sentença dada ao ex-governador do Rio agora é de 14 anos e 5 meses de prisão. A sentença é do juiz Marcelo Brêtas e prevê regime fechado. Neste caso, ele é acusado de cometer 36 atos de lavagem de dinheiro para ocultar o recebimento de dinheiro fruto de propina paga pela FW Engenharia. Também são réus na mesma ação, a ex-mulher de Cabral, Suzana Neves, e seu irmão, Maurício Cabral.
(Conteúdo CBN)

0 comentários:

CURTA!