quarta-feira, 25 de julho de 2018

Facebook deleta páginas de fake news atribuídas ao MBL

O Facebook iniciou hoje (25) uma ofensiva para combater a proliferação de fake news nas redes sociais e removeu 196 páginas e 87 contas no Brasil que disseminavam conteúdo falso. A informação foi confirmada pela rede de notícias Reuters. As páginas e as contas eram ligadas ao grupo Movimento Brasil Livre (MBL).
Segundo o Facebook, a ação tem como objetivo desativar "uma rede coordenada que se ocultava com o uso de contas falsas no Facebook e escondia das pessoas a natureza e a origem de seu conteúdo com o propósito de gerar divisão e espalhar desinformação".
Os nomes e os administradores das páginas não foram divulgados de forma oficial. Ainda segundo a Reuters, os perfis somavam mais de 500 mil seguidores e compartilhavam conteúdo sensacionalista relacionado a política. A agência de notícias apurou que as páginas Jornalivre e O Diário Nacional estão entre as envolvidas.
Em comunicado, o MBL rebateu a acusação e chamou-a de "absurda". "Não bastasse isso, o Facebook também desativou algumas páginas de alcance nacional, as quais, somando meio milhão de seguidores, entre informar e divulgar ideias liberais e conservadoras — o que não é crime —, também exerciam o importante papel de denunciar as 'fake news' da grande mídia brasileira", completou o texto do grupo. 
Fonte: Metro 1

0 comentários:

CURTA!