sábado, 15 de dezembro de 2018

AMARGOSA: JUVENTUDE E SMART FARÃO A FINAL DA 1ª TAÇA DE GIGANTES

A 1ª Taça de Gigantes contou com 4 grupos, cada grupo formado por 3 times e, os 2 melhores, classificaram-se às quartas de final. A competição que tem a organização do desportista Magno Tanque está sendo realizada na Quadra do Bosque.


Na noite desta sexta (14), houve a consumação das semifinais. No primeiro jogo, o Smart venceu o time da News por 3 x 1. Em seguida, num jogo bastante técnico e disputado, os times do Juventude e da Gamboa empataram em 1 x 1. Na disputa de pênaltis, o Juventude venceu por 3 x 2 e credenciou-se para disputa da final.


Segundo o organizador Magno Tanque, o evento está sendo um sucesso, graças a exibição de grandes jogos de futsal com alto nível técnico e a presença expressiva de torcedores. Sobre o objetivo da 1ª Taça de Gigantes, Magno destacou: “eu tenho amor pelo esporte. A competição foi organizada sem fins lucrativos. É preciso incentivar a prática do futsal.”  O certame futebolístico será encerrado neste sábado (15), às 20h00. A promessa é que o Juventude e o Smart façam uma grande final. Parabenizamos o desportista Magno Tanque pelo sucesso da 1ª Taça de Gigantes.


Tosta Neto, 15/12/2018

sexta-feira, 14 de dezembro de 2018

DELEGADOS DA BAHIA VOLTAM ATRÁS E RETORNAM AOS CARGOS
Decisão foi tomada após texto da PEC sofrer ajustes  
Os 200 delegados da Bahia que haviam entregado os cargos essa semana voltaram atrás nesta sexta-feira (14). A decisão foi tomada em assembleia realizada pela manhã no sindicato da categoria, em Piatã, e contou com representantes da capital e do interior.
Na terça-feira (11) 200 deles entregaram os cargos em protesto contra a reforma administrativa proposta pelo governador Rui Costa (PT). A principal queixa da categoria é a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que impõe o salário do governador, de R$ 22 mil, como teto para os servidores públicos.
Segundo o presidente do Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado da Bahia (ADPEB), Fábio Lordello, a decisão desta sexta-feira foi um voto de confiança depois que o secretário da Segurança Pública, Maurício Barbosa, se reuniu com os chefes dos departamentos policiais para detalhar a proposta feita pelo estado.
“Ainda não tivemos acesso ao conteúdo do texto depois que ele sofreu ajustes. Estamos tentando ter acesso a redação final, mas, a categoria vai suspender temporariamente a decisão adotada em um voto de confiança nas negociações”, afirmou Lordello.
 O que a proposta que está tramitando na Assembleia Legislativa da Bahia diz, na prática, é que nenhum funcionário público do estado poderia ter salário superior ao do governador, mas alguns delegados têm rendimentos que superaram esse teto. Segundo o sindicato, se essa medida for aprovada, parte da categoria terá perdas na remuneração que podem chegar a 40%.
Um dia depois dos delegados entregarem os cargos o secretário da Segurança Pública convidou os dirigentes dos departamentos policiais para apresentar detalhadamente a proposta feita pelo governador. Segundo o Estado, a categoria não terá perdas salariais. Durante o encontro foram feitos ajustes no texto e as mudanças foram encaminhadas para aprovação do governador.
Nesta sexta, o sindicato dos delegados resolveu discutir as mudanças feitas na matéria, mas, segundo a diretora Marta Nunes, o conteúdo ainda não foi disponibilizado pelo estado.
“Estivemos com o líder do governo na Assembleia Legislativa ontem, mas ele disse que também não tinha recebido o texto. Soubemos que as perdas serão menores com os ajustes que foram feitos, mas não temos os detalhes”, afirmou.
Na tarde desta sexta, delegados se reunirão na Assembleia Legislativa para tentar ter acesso ao texto final da matéria. A Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 154 está tramitando nas comissões de Constituição e Justiça (CCJ), Finanças, Orçamento, Fiscalização e Controle da Assembleia Legislativa da Bahia (Alba). 
A primeira votação aconteceu sem problemas, sendo acatado por unanimidade (governistas e oposição) que os servidores públicos não podem ter salários ou qualquer outro tipo de vencimento e proventos superiores ao que recebem os chefes dos Poderes aos quais estão vinculados.
Com a aprovação por governistas e oposição, a matéria segue agora para votação em dois turnos no plenário, que devem acontecer na próxima semana - na segunda (17) e na quinta-feira (20).
Procurada, a Secretaria de Comunicação do Estado (Secom) ainda não informou se o texto será encaminhado para o sindicato nem quando isso ocorrerá.
 FONTE: www.correio24horas.com.br

quinta-feira, 13 de dezembro de 2018

“REFLEXÕES SOBRE O ADVENTO DE BOLSONARO AO PODER” POR TOSTA NETO

A eleição de 2018, é fato, ficará grafada com negrito especial na história da República. Havia todo um ceticismo acerca da candidatura do capitão da reserva, além de ter sido tratada com deboche por alguns adversários e “especialistas” em ciências políticas. Numa análise apressada, ficaria difícil imaginar a vitória de Jair Bolsonaro, graças a uma série de declarações polêmicas no seu itinerário político, porém, saindo da esfera superficial, o triunfo em questão não foi tão surpreendente o quão o senso comum sugere. Há vários fatores que facilitam a compreensão do fenômeno eleitoral Bolsonaro na corrida pelo Palácio do Planalto.
Nos últimos anos, Bolsonaro emplacou um discurso alinhado ao conservadorismo, o que acabou cativando uma parcela significativa da população. Não nos enganemos, apesar dos partidos de esquerda defenderem a tese contrária, o chamado “povão” é conservador. Por sinal, o candidato vencedor conseguiu avançar nos redutos mais pobres, que comumente têm um predomínio do PT. Citemos também, que no plano externo é perceptível uma “onda conservadora”, veja a vitória de Trump nos Estados Unidos e de Matteo Salvini na Itália. A “onda conservadora” já encontrou ecos aqui na América do Sul: a chegada ao poder do líder de centro-direita Sebastián Piñera no Chile é algo sintomático. É óbvio que o Brasil seria atingido em maior ou menor grau por essa onda.
Bolsonaro filiou-se ao recém-criado PSL (Partido Social Liberal), partido que serviu como receptáculo de candidatura. Seria difícil intuir que um partido pequeno faria frente à gigantesca e carcomida estrutura partidária. O PSL tinha 1 deputado na Câmara, angariou 56 vagas, formando a segunda maior bancada; há a perspectiva de ser a primeira com vindouras adesões. Ademais, conquistou três governos estaduais (Roraima, Rondônia e Santa Catarina). Bolsonaro, segundo declaração de despesas de campanha ao TSE, gastou apenas 2,4 milhões; em contrapartida, a candidatura derrotada gastou 37,5 milhões. Um trunfo imprescindível de Bolsonaro foi o uso eficiente das redes sociais, plataforma que ditou o ritmo da campanha. O mundo mudou. Os comportamentos mudaram. As redes sociais estão cada vez mais presentes nas relações humanas, logo, para entender o resultado desta eleição, a internet é um componente fundamental. A televisão não tem mais o peso de pleitos anteriores.
O pleito eleitoral de 2018 teve um fato inédito: um candidato a presidente sofreu uma tentativa de homicídio. Num raciocínio precipitado, poderíamos inferir que a facada sofrida por Bolsonaro foi decisiva no resultado da eleição. Porém, precisamos enfatizar algumas questões. É lógico que a tentativa de homicídio suscitou clamor popular e mais visibilidade a Bolsonaro, contudo, ele foi tirado do front. Sabe-se que o corpo a corpo tem muito peso na campanha. Um fator que deve ser elencado: o apoio maciço do eleitorado evangélico ao candidato do PSL; os pastores mais renomados entraram de corpo e alma na candidatura conservadora. A vitória de Bolsonaro também é explicada pela rejeição exacerbada ao PT. Os escândalos do Mensalão e do Petrolão transformaram o PT em sinônimo de corrupção. Não olvidemos a prisão de Lula, o arquiteto principal dos esquemas de corrupção supracitados. A maioria do eleitorado rejeitou o PT e o presidiário. Em qualquer eleição, normalmente, a rejeição é um imenso empecilho para que determinado candidato seja vencedor.  
É inconteste que Bolsonaro foi um fenômeno eleitoral. Eis algumas evidências: Eduardo Bolsonaro foi o deputado federal mais votado da história em votos absolutos; em alguns estados que tiveram 2º turno, os dois candidatos apoiaram Bolsonaro, haja vista no Rio Grande do Sul (Eduardo Leite e José Ivo Sartori); subsequente ao resultado do 1º turno, João Doria, candidato do PSDB de Alckmin, contrariando o partido e o padrinho político, declarou apoio a Bolsonaro. Assim como Trump, guardadas as devidas diferenças, Bolsonaro encarnou o espírito de anti-establishment, não contando com a simpatia da grande mídia e da “classe artística”. Os fatores acima e outros não enumerados neste modesto artigo apresentam um norte para apreender que a vitória de Jair Bolsonaro não foi um capricho do acaso.

Tosta Neto, 13/12/2018  

HADDAD É CONDENADO A PAGAR R$ 79 MIL DE INDENIZAÇÃO A EDIR MACEDO
O ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad foi condenado pela Justiça por chamar de “fundamentalista charlatão, com fome de dinheiro” o bispo Edir Macedo. O petista terá de pagar R$ 79.182 ao fundador da Igreja Universal do Reino de Deus – o dinheiro, segundo o bispo, será destinado a uma instituição de caridade. O ex-prefeito também terá que se retratar por ofensas ao líder religioso durante a campanha à Presidência da República.
Na sentença, juiz Marco Antonio Botto Muscari afirma que o petista é um “conhecedor privilegiado das normas jurídicas”. “Estudou na mais tradicional faculdade de Direito brasileira, o réu obviamente sabe que acusações passadas de ‘charlatanismo, estelionato e curandeirismo’, seguidas de absolvição, apenas reforçam a presunção constitucional de inocência do bispo Macedo. Ou será que Fernando Haddad se julga no direito de, após decreto absolutório, insistir em que o líder religioso pratica, sim, ‘charlatanismo’?”, escreveu.
“Fernando Haddad claudicou muitíssimo e potencializou os efeitos de sua infeliz declaração, lançando-a nas mídias sociais com acesso a centenas de milhares de destinatários. Impossível estimar a dimensão dos danos causados a Edir Macedo Bezerra, que não persegue lucro fácil, (…) tanto que indicou desde cedo instituição beneficente para receber a verba indenizatória”, diz o juiz Muscari na decisão.
Em outubro, Edir Macedo decidiu ir à Justiça e ao Ministério Público Federal contra o ex-prefeito e então candidato do PT à Presidência. Por meio de seus advogados, o bispo ingressou com uma ação de natureza civil, em que pedia indenização de 83 salários mínimos, e com um pedido de abertura de Procedimento de Investigação Criminal (PIC) no Ministério Público Federal em São Paulo.
As ofensas de Haddad, segundo o líder religioso, ocorreram no dia 12 de outubro, quando o petista deu entrevista coletiva à imprensa. A origem do embate estaria na manifestação de apoio que o líder da Universal declarou por Jair Bolsonaro (PSL), rival de Haddad na corrida ao Palácio do Planalto. Macedo afirmou que “apenas e somente demonstrou sua inclinação ao candidato Jair Bolsonaro, nada mais!”
“Com o nítido caráter de propagar a tão combatida intolerância religiosa e ferir sua honra, nome, imagem e reputação, por mera insatisfação pessoal e partidária, bem como se valendo do forte aparato midiático que é destinado aos candidatos à Presidência da República, o réu Fernando Haddad, acompanhado de dezenas de pessoas, após participar de uma missa católica alusiva ao dia de Nossa Senhora Aparecida, em 12 de outubro, em sede de coletiva de imprensa, passou a proferir ofensas que por si violam o ordenamento jurídico”, disse Macedo.
Segundo as ações, na ocasião, Haddad, dirigindo-se aos jornalistas e “diante de todo o público que por lá estava, disse em alto e bom tom. ‘Sabe o que é o Bolsonaro? Vou dizer pra vocês o que é o Bolsonaro. Ele é o casamento do neoliberalismo desalmado representado pelo Paulo Guedes, que corta direitos trabalhistas e sociais, com o fundamentalismo charlatão do Edir Macedo. Isso que é o Bolsonaro. Sabe o que está por trás dessa aliança? Chama em latim (sic): auri sacra fames, fome de dinheiro. Só pensam em dinheiro’ (Paulo Guedes e Edir Macedo).”
FONTE: Estadão 
PRIMEIRAS AÇÕES DE BOLSONARO SÃO APROVADAS POR 75% DOS BRASILEIROS

Pesquisa CNI/Ibope divulgada nesta quinta-feira, indica que primeiras medidas de Bolsonaro para o governo são aprovadas por 75% dos brasileiros. Apenas 14% acreditam que o futuro presidente e sua equipe estão no caminho errado em relação às decisões tomadas até agora. 11% não souberam responder. Levantamento também mostra que brasileiros estão otimistas em relação a 2019.

OUTRO EX-ASSESSOR DE FLÁVIO BOLSONARO PASSOU 248 DIAS NO EXTERIOR E RECEBIA SALÁRIO DA ALERJ
O Jornal Nacional mostrou que um outro ex-funcionário de Flávio Bolsonaro, Wellington Sérvulo Romano da Silva, passou metade do tempo que ocupou cargo na Alerj fora do Brasil.
Entre 2015 e 2016, ele fez diversas viagens a Portugal, onde ficou 248 dias, no período de 1 ano e 4 meses em que estava empregado na assembleia fluminense.
À TV Globo, Flávio Bolsonaro disse que o ex-funcionário trabalhava regularmente e que não morava fora, mas visitava Portugal porque a família tem cidadania portuguesa.

quarta-feira, 12 de dezembro de 2018

99ª CIPM REALIZA 1ª FORMATURA DO PROERD EM AMARGOSA
291 estudantes de 03 Escolas públicas participaram, no último dia 05/12 (quarta-feira), da 1ª formatura do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (PROERD), promovida pela 99ª CIPM em parceria com a Prefeitura Municipal de Amargosa, após 13 semanas de curso. 
A formatura, que aconteceu na quadra de esportes da Escola Dom Florêncio Sisínio Vieira, foi presidida pelo Maj PM Alex Rêgo, Comandante da Unidade e conduzida pelas Ten PM Marizete Brandão e Cb PM Jucilânia, Coordenadora e Instrutora do Proerd, respectivamente. Contou com a participação de alunos dos 4°, 5° e 7° ano do Ensino Fundamental, das Escolas Dom Florêncio, Rosalina Bittencourt e do Colégio Almeida Sampaio, e a presença do Cel PM Paulo de Tarso Alonso Uzeda, Comandante do COPPM, do Exm° Sr. Júlio Pinheiro, Prefeito de Amargosa, da Sra. Márcia Batista, Secretária Municipal de Educação, de Secretários, Vereadores, Diretores, Professores e Funcionários das Escolas e, principalmente, dos pais e parentes dos formandos. 
Os novos proerdianos emocionaram todos os presentes ao demonstrarem, através do juramento e das redações escritas, que aprenderam a importância de dizer não às drogas, saber tomar a decisão correta na vida, respeitar o próximo, não praticar violência, entre outras lições, e finalizaram o evento cantando e dançando a música do Proed, além de realizarem apresentações artísticas, para abrilhantar ainda mais a festa.
Essa foi mais uma das ações realizadas pela 99ª CIPM junto à comunidade e contou com a parceria da Prefeitura de Amargosa, através da Secretária Municipal de Educação.
99ª CIPM - Guardiã do Vale do Jiquiriçá.

FONTE: Assessoria de Comunicação Social – A S C O M/99CIPM
AMARGOSENSE PROTAGONIZA HISTÓRIA INUSITADA EM GUARAPARI ES

O representante comercial amargosense, Valmário Almeida Marques, 42 anos, morador do município de Serra (ES), levou por engano a moto do balconista Kelvin Silva Alcântara, 22 anos, “eu realmente estava atrasado para uma reunião e acabei deixando o meu carro aqui nas imediações e pedi uma moto emprestada ao meu amigo, que mora aqui na frente da lanchonete, onde o rapaz trabalha”, relatou. O casou foi registrado em reportagem do portal Tempo Real.  Veja o vídeo e entenda o caso.
UFRB DISPONIBILIZA ONLINE DOIS NOVOS TÍTULOS DA COLEÇÃO ACADÊMICA
A Editora da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (EDUFRB) está disponibilizando duas novas publicações online, ambas da Coleção Acadêmica. A primeira, “A Feira Livre de Cruz das Almas: dinâmica especial, planejamento e gestão municipal”, é de autoria de Tânia Maria Pinto de Santana, doutora em História pela Universidade Federal da Bahia (UFBA) e professora adjunta da UFRB.
Disponível para leitura online ou para download gratuitoem formato PDF, o livro é resultado de uma pesquisa que objetivou entender como a prefeitura municipal promove a gestão e o planejamento da feira livre de Cruz das Almas, considerando sua dinâmica especial como importante atividade econômica local e regional. “A feira livre sofre um crescimento desenfreado por absorver parcela da população desempregada ou aqueles que estão chegando ao mercado de trabalho. Por isso, a urgência da criação e implementação de políticas públicas que sejam capazes de mantê-la competitiva diante de um mercado formal que oferece uma infinidade de benefícios a sua clientela”, defende a autora.
A segunda publicação, “Os Encantos e o Pecado da Maçã: professores/as e a educação das relações étnico-raciais”, é organizada pelo professor da UFRB Carlos Adriano da Silva Oliveira. Fruto de inquietações no campo da educação das relações étnico-raciais, o livro busca compreender as representações dos/as professores/as participantes da Pós-Graduação em História da África, da Cultura Negra e do Negro no Brasil, ofertada pela UFRB, acerca de desdobramentos em Amargosa da Lei nº 10.639/2003, que incluiu no currículo oficial da Rede de Ensino a obrigatoriedade da temática “História e Cultura Afro-Brasileira”.
“As falas dos sujeitos da pesquisa, nem sempre unânimes, são questionadoras e clamam por ação, põem em cheque o caráter burocrático formal da lei que por si só não tem o alcance esperado, se os agentes de mudança (sujeitos, instituições, Estado) não estiverem comprometidos social, cultural e politicamente com a sua implementação”, relata, no prefácio do livro, a professora Denise Laranjeira, titular da Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS). O título também está disponível para leitura online download gratuito em PDF.
Acesse o site da EDUFRB e confira as obras publicadas.
Fonte: www.ufrb.edu.br
COM SEGURANÇA REFORÇADA, POLICIAIS IMPEDEM MANIFESTAÇÃO NA ALBA
Na manhã desta quarta-feira (12), Policiais Militares impediram que servidores estaduais entrassem em manifestação na Assembleia Legislativa (AL-BA). A proibição  é em função a manifestação que aconteceu na ALBA ontem (11),  durante sessão de votação do pacote do governador Rui Costa (PT) que prevê a extinção de cargos, redução de estatais e elevação da contribuição do servidor para 14% para a Previdência estadual.  Com a confusão de ontem, o presidente da Alba, o deputado estadual e senador eleito Angêlo Coronel (PSD), decidiu um novo lugar para apreciar o matéria. A mesma tem previsão de ser votada hoje no auditório da Casa.
AMARGOSA: 1º TORNEIO DE VERÃO DE FUTEVOLÊI


Nesta terça (11), na Quadra de Areia do Bosque, os entusiastas do esporte puderam prestigiar o 1º Torneio de Verão de Futevolêi. O evento contou com a participação de 6 duplas e foi organizado pelos desportistas Tarcisio Silva e Nailson Feitosa. O esporte originado nas praias cariocas na década de 60 encontrou eco nas terras amargosenses. Questionado por este que vos escreve sobre as motivações da competição supracitada, Tarcisio Silva enfatizou: “primeiro, para incentivar os já praticantes, que por conta própria iniciaram a modalidade aqui em Amargosa. Segundo, para que a prática desse esporte atinja outras pessoas. Terceiro, por ser Educador Físico, incentivar não só os mais jovens, como também a população em geral. Sem dúvida, a prática esportiva traz benefícios fisiológicos e amplia a interação social.”
Segundo os organizadores, este torneio é pioneiro na história de Amargosa, competição que teve um cunho independente do poder público, cujo valor da inscrição foi revestido como premiação para os atletas. Ademais, Tarcisio salientou que a meta é organizar um campeonato no mês de janeiro, com a possibilidade da participação de duplas de outras cidades. Desde já, parabenizamos os organizadores pela nobre iniciativa, diversificando ainda mais a prática esportiva em Amargosa.


Tosta Neto, 12/12/2018









terça-feira, 11 de dezembro de 2018

UFRB ABRE SELEÇÃO PARA ALUNO REGULAR DO MESTRADO EM POLÍTICA SOCIAL E TERRITÓRIOS

UFRB abre seleção para aluno regular do Mestrado em Política Social e Territórios

A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), por meio da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-Graduação, Criação e Inovação (PPGCI) e do Centro de Artes, Humanidades e Letras (CAHL), torna público o processo seletivo para aluno regular para o Programa de Pós-Graduação em Política Social e Territórios (POSTERR), nível Mestrado, para ingresso no semestre 2019.1.
Os interessados devem realizar a inscrição pessoalmente no Prédio do Hansen Bahia, em Cachoeira, ou encaminhar a documentação via postal (exclusivamente SEDEX), no período de 10 de dezembro a 04 de janeiro. Podem participar da seleção graduados de Serviço Social e de áreas afins, com competência teórica, crítica e generalista nas áreas de gestão, formulação, implementação, análise e avaliação de políticas sociais.
Ao todo, são ofertadas 10 vagas, sendo cinco para a linha de pesquisa Políticas Sociais e Territórios e cinco para a linha de pesquisa Trabalho, Direitos e Serviço Social, podendo haver redistribuição das vagas. Um das vagas está reservada, caso necessário, a servidor técnico-administrativo da UFRB, conforme Resolução CONSUNI 002/2009. Também há reserva de duas vagas para candidatos autodeclarados negros, uma vaga para pessoas com deficiência e uma vaga para indígenas, quilombolas ou pessoas trans, conforme Resolução CONAC 033/2018.
O processo seletivo será constituído pelas seguintes etapas: prova escrita, de caráter eliminatório e classificatório, com peso 4; anteprojeto de pesquisa, de caráter eliminatório e classificatório, com peso 4; entrevista e análise do currículo, de caráter eliminatório e classificatório, com peso 2, e prova de língua estrangeira, de caráter classificatório. O resultado final será divulgado no dia 21 de fevereiro no site do CAHL, após todas as etapas.
Sobre o programa - O POSTERR foi recomendado na 180ª reunião do Conselho Técnico Científico da Educação Superior da CAPES (CTC-ES), ocorrida entre os dias 17 a 19 de outubro de 2018. Essa é a primeira seleção do curso, que será ofertado no CAHL, campus de Cachoeira.
O programa tem por objetivo geral formar recursos humanos qualificados para o ensino superior, a pesquisa, a produção de conhecimento, o planejamento, a gestão, a análise e execução de políticas sociais, fomentando a produção e difusão de conhecimento sobre questões referentes às políticas sociais em âmbito nacional, regional e local, em uma perspectiva totalizante, histórica e culturalmente referenciada.
Mais informações: www.ufrb.edu.br/cahl.
PF FAZ BUSCAS EM IMÓVEIS DE AÉCIO NEVES, PAULINHO DA FORÇA E MAIS 6 CONGRESSISTAS

Investigações apuram compra de apoio político, inclusive para formação de coligação nas eleições presidenciais de 2014. Executivos do grupo J&F relataram propina de R$ 110 milhões a Aécio. Defesa alega que dinheiro era doação legal de campanha.


A Polícia Federal e o Ministério Público Federal cumprem, nesta terça-feira (11), mandados de busca e apreensão em imóveis de Aécio Neves (PSDB-MG) e da irmã dele, Andréa Neves, no Rio de Janeiro e em Minas Gerais. Atualmente senador, Aécio termina o mandato neste ano e no próximo assume uma vaga na Câmara dos Deputados.

Também há equipes em endereços do deputado federal Paulinho da Força (SD-SP), em São Paulo. São investigados ainda os senadores Agripino Maia (DEM-RN) e Antonio Anastasia (PSDB-MG) e os deputados federais Benito da Gama (PTB-BA) e Cristiane Brasil (PTB-RJ).


A operação, chamada de Ross, surgiu a partir de delação de executivos da J&F e apura denúncias de compra de apoio político. Segundo a PF, Aécio Neves comprou apoio do Solidariedade por R$ 15 milhões, e empresários paulistas ajudaram com doações de campanha e caixa 2, por meio de notas frias. Outros partidos também teriam sido beneficiados.


Além dos políticos, as buscas miram empresários que são suspeitos de emitir as notas fiscais frias para Aécio. A PF chegou a solicitar buscas em imóveis de Maia, Cristiane e Benito, mas os pedidos não foram aceitos pelo ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF).


Em nota, a defesa de Aécio Neves informou que o senador "sempre esteve à disposição para prestar esclarecimentos e apresentar todos os documentos que se fizessem necessários às investigações, bastando para isso o contato com seus advogados".


Os advogados do senador informaram ainda que o inquérito policial é baseado nas delações de executivos da JBS que tentam "transformar as doações feitas a campanhas do PSDB, e devidamente registradas na justiça eleitoral, em algo ilícito para, convenientemente, tentar manter os generosos benefícios de seus acordos de colaboração". A defesa afirmou ainda que uma investigação "correta e isenta" vai apontar a verdade e a legalidade das doações feitas.



Propina de R$ 110 milhões

A procura de documentos faz parte de operação baseada em delações de Joesley Batista e Ricardo Saud. Os executivos do grupo J&F relataram repasse de propina de quase R$ 110 milhões ao senador Aécio Neves. Suspeita-se que os valores eram recebidos por meio da simulação de serviços que não eram efetivamente prestados e para os quais eram emitidas notas fiscais frias.

Segundo a delação dos executivos, Aécio pediu ao grupo o repasse de dinheiro a vários partidos que poderiam fazer parte da coligação na disputa presidencial. Os executivos da J&F montaram um documento chamado "Planilhão de Doações de 2014", no qual reuniram todos os pagamentos feitos a pedido do senador do PSDB. Cada um deles era marcado com uma cor: azul para aqueles feitos com notas frias, amarelo para repasses em espécie e branco para os "viabilizados mediante lavagem de dinheiro nas doações oficiais".


Joesley e Ricardo disseram que foram destinados R$ 64,6 milhões ao diretório e candidatos do PSDB. R$ 20 milhões teriam sido repassados ao PTB, mediante intermediação dos deputados Cristiane Brasil e Benedito da Gama Santos, além do tesoureiro do partido, Luiz Rondon. Ao Solidariedade, teriam sido repassados R$ 15 milhões, supostamente por intermédio de Paulinho da Força e Marcelo Lima Cavalcanti.


Segundos os delatores, o grupo empresarial também pagou R$ 10,4 milhões aos partidos DEM, PTN, PSL, PTC, PSC, PSDC, PTdoB, PEN e PMN.


Outro destinatário de doação foi Antonio Anastasia, candidato ao governo de Minas Gerais. Ele teria recebido R$ 2 milhões a pedido de Aécio.


A contrapartida para os pagamentos, segundo o Ministério Público, seria o uso do mandato do parlamentar para beneficiar o grupo empresarial. Uma das formas seria a liberação de créditos do ICMS, pelo governo de Minas Gerais, em favor das empresas.

Fonte: G1

segunda-feira, 10 de dezembro de 2018

APÓS O TÍTULO BAIANO, FANESB SE CONSAGRA COMO CAMPEÃ DO NORTE-NORDESTE

No último final de semana (08 e 09) em Camaçari, a FANESB (Fanfarra do Colégio Estadual Santa Bernadete) conquistou o título de Campeã do Norte-Nordeste na categoria musical nível 1. O grande evento musical em questão foi organizado pela ACBFFB (Associação Cultural de Bandas, Fanfarras e Filarmônicas da Bahia). A FANESB se credenciou para disputa da competição supracitada ao conquistar no corrente ano o título baiano. Sem dúvida, as vitórias da FANESB honraram o nome de Amargosa e do Santa Bernadete. Vale salientar também, o papel social e cultural da nobre fanfarra amargosense, pois oportuniza para muitos jovens uma opção de lazer e o advento no mundo da música. Parabenizamos a FANESB pelo belíssimo trabalho efetuado nos últimos anos, trabalho que foi justamente coroado com os títulos do Baiano e do Norte-Nordeste. Confira algumas fotos abaixo:








BA 026: COM 72% DA OBRA JÁ REALIZADA CONCLUSÃO SERÁ NO MÊS DE ABRIL, AVALIA GOVERNADOR RUI
A BA 026, rodovia que liga Santo Antônio de Jesus – Amargosa continua sendo restaurada. As obras começaram a ser realizadas da cidade de Varzedo para Amargosa, e recentemente uma equipe iniciou os serviços do Trevo de Amargosa (nas margens da BR-101) em direção a cidade de Varzedo.
Nesta segunda-feira (10) o governador Rui Costa (PT), destacou em suas redes sociais,  que a obra está em reta final para a conclusão. O governador afirmou ainda que a intervenção irá beneficiar 86 mil pessoas das cidades situadas na região ao entorno da rodovia.

FERNANDA MONTENEGRO DEFENDE A CLASSE ARTÍSTICA BRASILEIRA: ‘SOMOS DIGNOS’

A atriz Fernanda Montenegro, de 89 anos, emocionou o público ao receber o troféu de Melhores do Ano, no Domingão do Faustão. Ela aproveitou seu discurso para pedir respeito aos artistas e classificou a profissão como “libertária”. “Não somos corruptos, não somos responsáveis pela crise política e econômica (…), somos dignos, temos uma profissão extraordinária. Tenho certeza de que, para nós, somos da melhor profissão do mundo”, defendeu a atriz. Ao lado de Adriana Esteves e Marieta Severo, também premiadas, Montengero recebeu a estatueta na categoria “Personagem do Ano”, pela personagem Mercedes em “O Outro Lado do Paraíso”.

“Podemos não ter uma profissão prioritária, mas nós temos uma profissão libertária. Os nossos palcos, os nossos programas, é uma busca pela ampliação das sensibilidades”, disse, emocionada. “Procurem os verdadeiros buracos corruptos deste país”, concluiu.
Fonte: Jovem Pan
ONZE GOVERNADORES PODEM DEIXAR ESTADOS SEM CAIXA

Deixar contas para sucessores é uma prática vedada pela Lei de Responsabilidade Fiscal e criminalizada pelo Código Penal, sujeita a pena de um a quatro anos de reclusão, embora até hoje ninguém tenha sido responsabilizado formalmente por isso

por Idiana Tomazelli e Adriana Fernande, O Estado de S.Paulo

A menos de um mês do fim do mandato, 11 governadores correm o risco de deixar seus Estados sem caixa para cobrir despesas realizadas em sua gestão, segundo levantamento feito pelo ‘Estadão/Broadcast’. A prática é vedada pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) e criminalizada no Código Penal, sujeita a pena de um a quatro anos de reclusão, embora até hoje ninguém tenha sido responsabilizado formalmente. A punição foi incluída na lei para que os sucessores no cargo não encontrem uma situação de “terra arrasada” quando começarem os seus mandatos. A reportagem consultou técnicos do Tesouro Nacional para cruzar dados fornecidos pelos próprios Estados ao Ministério da Fazenda e chegar à disponibilidade de caixa de cada um deles até outubro deste ano. Depois, foram estimados o volume de despesas deste ano que ficará para o próximo exercício (os chamados “restos a pagar”), uma vez que este valor também afeta as disponibilidades financeiras dos Estados. Os chefes dos poderes precisam pagar todas as despesas feitas em seu mandato. Para isso, devem quitar todos os compromissos até 31 de dezembro do último ano da gestão ou deixar dinheiro em caixa para honrar as parcelas que ficarem para seu sucessor. No entanto, muitos já admitem publicamente que não terão dinheiro, por exemplo, para pagar o 13.º salário dos servidores. A fatura ficará para os governadores eleitos. Se somadas as disponibilidade de caixa dos governos estaduais, a estimativa do rombo que deve ficar para os eleitos é de R$ 78,4 bilhões. No ritmo atual, correm o risco de ficar sem caixa para cobrir os gastos os governos de Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e Sergipe. Também estão nesse grupo São Paulo e Rio Grande do Norte, mas esses Estados só apresentaram até agora os dados da execução orçamentária até agosto, de acordo com o sistema do Tesouro (leia o que dizem os governadores na pág. B4). Cortar despesas. Para barrar a ameaça de descumprimento da LRF, os governos estaduais precisariam conter despesas ou cancelar restos a pagar de anos anteriores. Mas a avaliação de técnicos do governo federal é de que essa é uma tarefa difícil, uma vez que o mais provável é que os serviços contratados já tenham sido prestados. Nesse caso, cancelar a despesa corresponderia a uma espécie de “maquiagem”, com a criação de um orçamento paralelo. Por isso, o cenário pouco deve se alterar até o fim de 2018. Além disso, as informações que constam nos Relatórios de Gestão Fiscal (RGF) e de Execução Orçamentária (RREO) usados pela reportagem para fazer o levantamento são declaratórias dos Estados. Isso significa que há chance de existirem “esqueletos” a serem desvendados pelos próximos governos. A apuração do cumprimento ou não do artigo 42 da LRF é feita pelos Tribunais de Contas Estaduais (TCEs) no momento da análise das contas de governo e depende ainda de uma interpretação jurídica do texto legal. Esses tribunais, preenchidos por indicações políticas, até hoje não motivaram nenhuma condenação de governador por deixar rombo no caixa, embora a situação já tenha sido verificada em anos anteriores. “O que está acontecendo com os órgãos de controle? Quem se beneficia com esse processo? Temos que fazer essas perguntas. Não há o controle externo dos tribunais de contas”, alerta a secretária executiva do Ministério da Fazenda, Ana Paula Vescovi, que passou os últimos anos lidando com o problema.

domingo, 9 de dezembro de 2018

VINGADORES: ULTIMATO É O TRAILER MAIS ASSISTIDO DA HISTÓRIA EM 24 HORAS

Prévia teve 289 milhões de visualizações

O primeiro trailer de Vingadores: Ultimato quebrou o recorde de Vingadores: Guerra Infinita e se tornou o trailer mais assistido da história nas suas primeiras 24 horas. Considerando as visualizações em Twitter, Facebook e YouTube, a prévia obteve 289 milhões no primeiro dia.
O último recorde, de Vingadores: Guerra Infinita, computou 230 milhões em 24 horas. O terceiro lugar é do remake de O Rei Leão que registrou 224 milhões.
A Marvel publicou uma mensagem agradecendo o apoio dos fãs pelo recorde: "Aos melhores fãs do mundo, obrigado por estarem conosco desde o começo até o ultimato, e fazer deste trailer o mais assistido com 289 milhões de visualizações em 24 horas".
Era uma Vez um Deadpool chega aos cinemas brasileiros em 27 de dezembro e Vingadores: Ultimato estreia em 25 de abril de 2019.

(Fonte: Omelete)

TEMPORAL DESTRÓI ESTRUTURA DE POSTO DE COMBUSTÍVEIS EM JEQUIÉ
A estrutura de um posto de combustíveis foi destruída após um temporal com fortes ventos atingirem a cidade Jequié (distante a 365 km de Salvador), sudoeste do estado, na tarde deste sábado, 8. Não houve registro de feridos.
Segundo informações do site Jequié Urgente, o estabelecimento fica localizado na avenida César Borges. A chuva causou ainda transtornos e alagou diversas ruas, derrubou árvores, além de deixar sinaleiras sem funcionar. o que prejudicou o trânsito.
Diversas arvores caíram pela cidade por conta dos ventos fortes
Diversas árvores foram derrubadas por causa dos ventos fortes
Devido ao temporal, a prefeitura de Jequié anunciou, por meio da Secretaria de Esporte e Lazer, que a 3ª Corrida Kids, evento esportivo que aconteceria às 16h, na avenida Rio Branco, no centro da cidade, foi transferida para o próximo sábado, 15.
FONTE: A TARDE

sábado, 8 de dezembro de 2018

PERU VAI PEDIR AO GRUPO DE LIMA QUE ROMPA RELAÇÕES COM VENEZUELA

O Peru vai propor ao Grupo de Lima romper relações diplomáticas com a Venezuela.
“Como não reconhecemos as eleições [venezuelanas] de maio passado, a consequência natural é propor como uma das ações a ruptura das relações diplomáticas com a Venezuela”, disse o ministro peruano Néstor Popolizio.
O ministro destacou ainda que uma medida similar já foi adotada por Estados Unidos, União Europeia e Canadá.

 (Fonte: O Antagonista)

“PANTERA NEGRA” É INDICADO AO GLOBO DE OURO POR MELHOR FILME!

POR LEO GRAVENA → As nominações do Globo de Ouro foram liberadas e, para a surpresa de muitos fãs, Pantera Negra recebeu três indicações.
Pantera Negra foi indicado nas categorias de Melhor Filme Dramático, uma das mais importantes e disputadas da premiação, Melhor Trilha Sonora e Melhor Canção Original, por “All the Stars”. Obviamente, isso não significa que o filme também será indicado ao Oscar, porém o Globo de Ouro, junto do Critic’s Choice Awards, são considerados dois grandes termômetros para a premiação da Academia.
Na categoria de Melhor Filme Dramático, o filme da Marvel vai concorrer contra Infiltrado na Klan, Bohemian Rhapsody, Se a Rua Beale Falasse e Nasce uma Estrela. Após recentemente várias premiações terem sido criticadas pela falta de diversidade em suas premiações, é interessante notar que dos cinco filmes, três são protagonizados por atores negros.
Anteriormente, o primeiro filme do Deadpool também foi nominado para a categoria de Melhor Filme de Comédia ou Musical. Agora, com a nominação de Pantera Negra, fica claro que a Marvel e a Disney estão realmente investidas em fazer com que o filme seja reconhecido nas premiações. A Disney, inclusive, sugeriu 15 premiações diferentes nas quais o aclamado filme por ser indicado.

(Fonte: Legião dos Heróis)

A “SITUAÇÃO ESPINHOSA” DE BOLSONARO
A movimentação suspeita do ex-assessor de Flávio Bolsonaro precisa ser esclarecida. Diz a Folha, em editorial: “Agora, contudo, a situação mostra-se particularmente espinhosa. Não se trata de uma manifestação desastrada de um dos ‘garotos’ (como o pai costuma referir-se aos filhos), mas de suspeita documentada acerca de movimentação financeira sem origem conhecida. O caso torna-se mais nebuloso ao se saber que o assessor também fez depósitos em favor de sua filha —até recentemente empregada no gabinete de Jair Bolsonaro. Para que não pairem dúvidas sobre a conduta do futuro chefe do Executivo e de seus familiares, é preciso que o caso seja esclarecido com presteza. As explicações dadas até agora para tantas operações permanecem insatisfatórias”.

sexta-feira, 7 de dezembro de 2018

 BANCADA DO PSL VAI SE REUNIR COM BOLSONARO APÓS POLÊMICA DISCUSSÃO NO WHATSAPP



Filho de Bolsonaro, Eduardo e Joice Hasselmann, ambos deputados federais eleitos, bateram boca no grupo de WhatsApp; vice-líder do partido na Câmara nega que o motivo para encontro seja o embate

por Camila Turtelli, O Estado de S.Paulo

07 Dezembro 2018 | 16h45

BRASÍLIA - Após discussão no grupo de WhatsApp do PSL sobre protagonismo no partido, os eleitos da legenda se reúnem na próxima quarta-feira, 12, à tarde com o presidente eleito Jair Bolsonaro no Centro Cultural do Banco do Brasil (CCBB), em Brasília, onde se concentra o governo de transição. As disputas recentes devem entrar no debate do encontro, embora não tenham sido o motivo da agenda.
O vice-líder do partido na Câmara, Delegado Waldir (PSL-GO) disse que o encontro já estava marcado há muito tempo, dentro do circuito de reuniões que Bolsonaro tem feito com as bancadas partidárias do Congresso e que as disputas não foram o motivo para realizar o evento. “Eu convoquei os eleitos bem antes disso e também não há nada demais nas conversas, os debates são normais”, afirmou.


O protagonismo de parlamentares eleitos pelo PSL, ainda não empossados, tem incomodado a família Bolsonaro e antigos parlamentares. Nos últimos dias, dois filhos do presidente eleito enviaram recados diretos e indiretos para seus correligionários pelas redes sociais. Paralelamente, os correligionários tiveram um debate acalorado em um grupo de Whatsapp. No grupo de troca de mensagens, que reúne os eleitos pelo partido, Joice Hasselmann (PSL-SP) criticou a articulação da legenda e discutiu com o deputado e senador eleito Major Olímpio (PSL-SP).


O protagonismo de parlamentares eleitos pelo PSL, ainda não empossados, tem incomodado a família Bolsonaro e antigos parlamentares. Nos últimos dias, dois filhos do presidente eleito enviaram recados diretos e indiretos para seus correligionários pelas redes sociais. Paralelamente, os correligionários tiveram um debate acalorado em um grupo de Whatsapp. No grupo de troca de mensagens, que reúne os eleitos pelo partido, Joice Hasselmann (PSL-SP) criticou a articulação da legenda e discutiu com o deputado e senador eleito Major Olímpio (PSL-SP).
Posteriormente, Eduardo Bolsonaro entrou na conversa e disse que recebeu ordens do pai para conduzir articulações na Câmara apenas nos bastidores, de modo a não irritar o presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ) que poderia acelerar a aprovação das chamadas “pautas bombas” na Casa.
Segundo Waldir, a convocação para a reunião de quarta foi feita por meio deste mesmo grupo de Whatsapp. Nesta sexta-feira, Maia evitou comentar a menção ao seu nome. Paralelamente, nesta sexta-feira, 7, o deputado eleito por São Paulo Junior Bozzella afirmou que foi escolhido como líder da bancada do PSL de São Paulo e Alexandre Frota (PSL-SP) será o vice-líder. Um dos objetivos, segundo Bozzella, é fazer a interlocução de São Paulo junto à transição de governo e "ajudar de fato o Brasil e o Governo Bolsonaro".

CURTA!